Wednesday, June 06, 2007

Células Tronco!

Aparentemente um grupo de Harvard divulgou hoje na Nature um método para transformar células adultas humanas em células tronco equivalentes a células embrionárias. Tudo bem que são ainda em camundongos e que isso aí é um primeiro resultado, que ainda deve ser repetido. Mas esse resultado é bastante promissor e é virtualmente um touché na batalha das pesquisas com células-tronco.





Interessante que alguns grupos já se pronunciaram felizes com essa pesquisa, uma vez que as células, não sendo embrionárias, não apresentariam nenhum entrave ético à pesquisa. Mas a minha leitura disso é diferente. Eu acho que o que esta pesquisa acaba com a questão ética porque ela iguala um embrião a uma colônia desenvolvida em laboratória a partir de células adultas. Em outras palavras, se podemos utilizar uma célula desenvolvida em laboratório que é idêntica a uma célula "natural", então podemos usar a célula "natural". Sempre se pode alegar que os embriões possuem um je ne sais quois que as células produzidas não tem. Mas aí, it's turtles all the way down. Ainda não consegui ler o artigo, though. A importância da matéria é tamanha que o site da Nature com o artigo está fora do ar.



Update: Finalmente pude ler a matéria da Nature. PEles conseguiram fazer um rato quimérico (na figura acima) a partir das células transformadas em células tronco. O mais interessante é que para conseguir gerar estas células, foram neessário apenas 4 fatores de transcripção, apesar de a eficiência ter sido muito baixa (1 em 1000 células foram transformadas). Incrível como um mecanismo tão simples seria capaz de reprogramar a célula. Se por um lado os biólogos evolucionários mostram cada vez mais como o "acaso" é capaz de gerar estruturas complexas, os bioquímicos mostram cada vez mais como as peças-chave nos seres vivos são simples.

1 comment: