Monday, July 23, 2007

A conta do descaso

A incompetência tem um limite máximo. Um artigo do Financial Times dedicou-se à resposta do governo federal em relação ao acidente da TAM. E ao longo da última semana, eu vi algo como 3 ou 4 artigos da imprensa econômica internacional (ou imperialista :-P) falando sobre como a ineficácia do governo em resolver uma crise que se estende já há 10 meses e a completa falta de resposta governamental evidencia uma coisa que o brasileiro que vaiou Lula no Maracanã já têm sentido faz algum tempo: Lula não governa.

Se os artigos provocarem uma tendência, o Brasil irá perder investimentos internacionais importantíssimos nas áreas que se relacionam com o governo como o setor aeronáutico, de telecomunicações, multi-nacionais... Já que não há uma crise econômica internacional, Lula se encarregou de criar uma micro-crise própria, fruto da negligência com a infra-estrutura. E se a tese Clinton da propaganda eleitoral ("É a economia, estúpido!") estiver correta, o PT vai tomar um choque muito grande já em 2008.

É chato escrever um texto desses, principalmente porque o governo de Lula mal começou. Vamos ver se ele agora resolve parar de governar para os seus favoritos (bancos e clientes do bolsa-família) e começa a governar para o setor que realmente é capaz de aumentar o PIB: a classe média. Passe a maldita reforma tributária. Passe a reforma política (a boa!). Pare de ficar tentando regular aspectos sociais que não são o problema (como a TV pública do Franklin Martins) nacional. Desça de cima do muro da burrice, ou então seu governo vai entrar pra história como o pior dos útimos 500 anos.

E pare de usar o dinheiro da Petrobrás e do Banco do Brasil para financiar o blog do imbecil do Paulo Henrique Amorim.

No comments:

Post a Comment